quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Faith is a funny thing...

Acaso, destino, sorte, azar?

Uma infinidade de razões para explicar porque é que raramente as coisas correm exactamente como esperaríamos e gostaríamos.
Muitas vezes me preocupo demais com as coisas, sofrendo até por antecipação, mas outras vezes, estou tão entusiasmada que quando alguma coisa corre pior fico muito desiludida e triste.

Copo meio cheio ou meio vazio? Optimismo ou pessimismo?

Não há uma fórmula secreta, a verdade é que devemos viver a vida com calma, nem com total irresponsabilidade, nem com uma preocupação constante. Mas o facto é que encontrar o meio-termo nem sempre é fácil.

"Don’t worry about the future; or worry, but know that worrying is as effective as trying to solve an algebra equation by chewing bubblegum. The real troubles in your life are apt to be things that never crossed your worried mind."

Mas, mesmo quando as coisas ão correm exactamente como esperaríamos, mesmo quando a noite perfeita que imaginamos não é assim tão perfeita, há coisas que fazem tudo valer a pena. Obrigada pelos vossos sorrisos. Ver que nada mudou compensa qualquer coisa. Obrigada pela cumplicidade. E acima de tudo pela amizade. Obrigada pela viagem e pelos risos e conversas. Obrigada por sermos cada vez mais nós.

Saudades de tudo.

3 comentários:

Joana Martins disse...

apesar de não estar aí em presença para 'fazer valer a pena'.. sabes que estou aqui. e que mesmo longe, podes contar sempre comigo!

amo-te..

.. e já que falas em saudades.. tenho saudades tuas.

sweetie disse...

Eu não estive lá, mas tenho sempre todas no coração! Porque AMIGAS assim não se encontram todos os dias =)

Ci disse...

Eu estive e vou tentar estar sempre...porque os momentos que vivemos (e vamos continuar a viver) ninguém vai ser capaz de repetir!